De uma forma ou de outra o barco/navio atraca ou encalha.

Hoje, um dia de sol como outro qualquer no verão de Florianópolis, mas não outro qualquer quando se tem algo gritando dentro de ti. Você percebe que tudo foi em vão e que por mais que a experiência lhe de a perspectiva e lhe ensine a absorver melhor como aprendizado, ainda dói, ainda dói... Você … Continuar lendo De uma forma ou de outra o barco/navio atraca ou encalha.

Dúvide de si mesmo

E se vocês descobrisse que todas suas escolhas foram motivadas por pré-conceitos e sugestões passada pelos seus pais? - Talvez você seria outra pessoa hoje. E se você descobrisse que a sociedade o tempo todo lhe "doutrina" ou lhe crer que tudo que vivemos é real, os padrões, nossas crenças, nosso modo de pensar e … Continuar lendo Dúvide de si mesmo

Futilidade do Cotidiano – Sugestão de uma Seguidora

Madrugada a dentro com um café, uma seguidora (Milena Adrian) me sugere para abordar sobre a FUTILIDADE. Pois bem, o que é futilidade? Pelo dicionário, futilidade é a característica de fútil, sem valor, sem importância, irrelevante. Mas o conceito de fútil é tão subjetivo como o próprio gosto por um saber, por uma cor, tão … Continuar lendo Futilidade do Cotidiano – Sugestão de uma Seguidora

!Novidade! – Categoria – Músicas – Analise Subjetiva

Agora nosso blog conta com a Categoria "Músicas" e a subcategoria "Analise Subjetiva". O intuito dessa categoria, obviamente, é compartilhar músicas no geral, e a subcategoria é analisa-la com uma reflexão sobre o que está música possivelmente pode significar, ora com pesquisas acerca da mesma, ora apenas refletindo de forma crítica as mensagens que uma … Continuar lendo !Novidade! – Categoria – Músicas – Analise Subjetiva

1ª Publicação – Para bom entendedor 1/2 palavra basta!

Pois bem, refletir não é tão fácil como  parece, quem dirá escrever o que se pensa. Enquanto seu pensamento voa, por aqui e por ali, a escrita é restrita a uma simples caminhada lenta, escrevendo palavra por palavra, formando frase a frase, construindo uma ideia. Por melhor que você possa ser na escrita, a ideia … Continuar lendo 1ª Publicação – Para bom entendedor 1/2 palavra basta!