Artista sem Arte – Giuliano Fordelone

O desinteresse pela arte faz apagar o brilho d'alma. Veja quanta pluralidade: têm o drama, o épico e o trágico! No dia dedicado aos apaixonados, carece de emoção... Emoção que transborda, ora em palavras, ora em lágrimas. E quando a vida não bastar, há a arte para consolar. E quando o amor não prevalecer, há … Continuar lendo Artista sem Arte – Giuliano Fordelone

Seres Mutáveis. – Giuliano Fordelone

Alguém dizia que não poderia viver sem mim, Impresso naquelas palavras, com aquela melodia, Dizia que estava com medo, dizia que estava apaixonado... Fatos passados não mudam, as pessoas sim, O ser por si só, é absolutamente mutável e complexo. Nada fica de fora, nem nada ficou dentro. E a história sempre é contada com … Continuar lendo Seres Mutáveis. – Giuliano Fordelone