Complexidade e Consciência

Percebo e percebo-me
Uma mente que se expande
Jamais volta ao tamanho anterior

Realmente, se fez verdade
Após contemplar a complexidade
Atingir a consciência, não há volta

Qualquer tentativa de redução
Qualquer tentativa de simplificação
Qualquer tentativa de abstração

Se torna absurdamente doloroso!
Um caminhar solitário
Torna-se angustiante tal existência…

Tantos desejos conflitantes
Tantos anseios distantes
Tantos sentimentos estéreis

Um semente em solo infértil
Na casualidade é plantada
Como um pássaro que semeia mares

Não cresce, não se desenvolve, não vinga!
Semente dentro de um vaso
Vaso dentro de um ser que no meio do mar de solitários

Contribua para o debate, comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s