História e Cultura marcada pelo Etnocídio e Genocídio I: O que é?

Introdução:

Pois bem, como o título sugere, irei abordar sobre Etnocídio e Genocídio, e principalmente a importância de saber o que é e reconhece-lo no nosso cotidiano.

Conceitos:

Quem nunca ouviu falar em etnocído e genocído? Okay, algumas pessoas podem não ter tido contato, mas irei esclarecer os termos

  1. Etnocídio: Como consta no dicionário, significa destruição de uma etnia no plano/aspecto cultural. (formal)
  2. Genocídio: é o exterminio de determinados grupos humanos, deliberadamente, motivado pela discriminação etnica, cultural, racial e/ou quaisquer outra forma de distinção humana. (formal e material)

Abordagem Histórica:

Na história humana estamos cercados de etnocídios e genocídios, desde a Era Antiga, e por incrivel que pareça, até os dias de hoje. Parece ser ilógico dizer que, em pleno século XXI (como se mudasse alguma coisa citar o século), em pleno avanço tecnológico e racional do ser humano, possamos ser capaz de cometer tal bárbare dessas.

Sim, todos nos em certo grau, número e genêro podemos estar cometendo tal pratica, ao suprimir a liberdade do “outro” de expressar-se culturalmente, ou pior, impor sua cultura nos grupos da qual não compartilha a mesma forma de expressão. Temos como exemplo, a expansão de Roma através do Império Bizantino, temos as colonizações como método de etnocídio, não necessáriamente empregado junto com genocídio – o que é o mais comum de acontecer.

Genocídio parece ser pior, ao eliminar, literalmente, o “outro” em nome de uma superioridade e/ou soberania perante os demais grupos. Um exemplo clássico de genocídio é o Holocausto na Alemanha Nazista de Adolf Hittler. Mas posso afirmar que TODO genocídio tem sua origem ou como agregado o etnocídio.

Perspectiva:

Hoje mais do que nunca, com o advento do fenomeno Globalização, vemos com frenquencia um certo etnocídio disfarçado de Modernidade, não que necessáriamente devemos suprimir o avanço deste fenômeno, mas saber reconhecer e ter conciência de que em alguns casos ele não necessarimente será benéfico.

Podemos citar aqui no Brasil um etnocídio rotineiro da Cultura Afro motivada pelo racismo, da Cultura Queer motivada pela homofobia, porém, com certa ressalva, posso afirmar que ambos, tanto o racismo como a homofobia tem origem na ignorância e no fanatismo religioso ortodoxo. Vemos tanto etnocídio como genocídio sendo praticado aos silviculas (índios) motivado pela expansão do agro-negocio e na desvalorização cultural e sem dúvidas, pela nossa hipocrisia e negligência para com os silviculas e sua cultura.

Em breve a segunda parte dessa reflexão: História e Cultura marcada pelo Etnocídio e Genocídio II: Será que somos Fascista? – clicando aqui. (Em desenvolvimento)

Contribua para o debate, comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s